Motos 2013 Lançamento Duas Rodas



Lançamentos de Motos 2012 – 2013

Com o trânsito cada vez mais engarrafado nas grandes cidades brasileiras, a motocicleta está conquistando um grande número de adeptos, por diversos fatores: preço, economia de combustível e de tempo, sem contar na facilidade de estacionar.

Não é à toa de que o Brasil bateu recorde no ano passado em número de emplacamentos de motos. Dados oficiais de 2011 computam a venda de 1.940.564 motos no país, um crescimento de 7,5% comparado com 2010.

Antenadas com esse atraente mercado, as principais marcas instaladas no Brasil se preparam para uma série de lançamentos de motos para 2012, que irão agradar a motociclistas de todos os gostos e orçamentos.

Dentre os lançamentos mais esperados, estão: a Kawasaki 7X-14R, com design arrojado, de forte vocação esportiva e que conta com a maior aceleração do mundo; a Honda NC 700X; a MV-Agusta F4 RR Corsa Corta; a Suzuki GSX-R750; a Honda CBR 250R; a Ducati Panigale 1199; a Triumph Tiger 800; a Dafra SYM Next 250; a Kim Dure 200 e a BMW G650 GS Sertão.

Enfim, são motos de todos os estilos, de todos os preços e finalidades. Agora é só escolher o seu modelo para rodar em 2012.

Se você pretende comprar sua primeira moto e está em dúvida se adquire uma moto ou uma scooter, é preciso avaliar suas necessidades e habilidade em andar sobre duas rodas. Segundo especialistas, existem alguns modelos voltados para o público de entrada, como as motonetas (categoria na qual se enquadram a scooter e as motos cub).

Nas motonetas, o condutor pode ficar sentado, podendo até encostar um joelho no outro, enquanto que nas motocicletas, se pilota montado. Para as mulheres, as motonetas são as mais indicadas, já que como é possível se encostar os joelhos, as condutoras podem guiá-las até mesmo de saias de todos os comprimentos.

Além disso, as motonetas são indicadas para quem ainda não tem habilidade em andar sobre duas rodas. No caso da Honda Biz, por exemplo, ela conta com uma transmissão semiautomática, onde não é necessária a troca de marcha nem de acionar a embreagem, pois ela é automática. Outro modelo da Honda que é ainda mais fácil de se pilotar para os iniciantes é a Honda Lead 110, que para conduzi-la basta acelerar e frear.

Uma dica importante para optar pela moto ou scooter é optar pelo veículo que melhor se adapta a você, dependendo de sua habilidade com os comandos e de suas necessidades. Sem falar que a primeira moto deve proporcionar segurança para o condutor.

Por Selma Isis



1 Comentário

  1. DOUGLAS
    DOUGLAS 01/09/2012 at 7:05 pm

    A bis precisa sim trocar marcha, a lead é que não precisa .

Deixe um comentário