Análise Capilar: Aparelho disponível em salões de beleza analisa os fios



Salões de beleza analisa os fios desde a raiz e indica o tratamento adequado

Aparelho disponível em salões de belezaPara muitas, o outono e inverno são estações em que não só as folhas das árvores caem, como seus cabelos também. Por acharem que se trata de um processo natural, deixam esse problema de lado, acreditando que quando a primavera chegar, os cabelos pararão de cair. Terrível engano.

A queda excessiva de cabelos pode indicar que a pessoa está estressada ou alimentando-se de forma incorreta. Para descobrir realmente o quê o seu cabelo precisa, fazer uma análise capilar é uma boa sugestão.

Pelo nome inicial, imagina-se ser um aparelho sofisticado e caríssimo, encontrado apenas em moderníssimas clínicas de estética. Está aí outro engano. Trata-se de um aparelho semelhante a um microscópio, em que retira-se um fio de cabelo com a raiz intacta e coloca-se em uma lâmina semelhante às usadas nos microscópios.

Observa-se no monitor o fio de cabelo ampliado em 100 vezes. ”Pode-se observar com nitidez todos os problemas do cabelo. Se está fraco, se foi prejudicado por químicas, se a pessoa está estressada ou mal nutrida”, explica a cabeleireira Jane Aparecida da Silva.

Cada vez mais presentes nos salões de beleza de todo o Brasil, o aparelho de análise capilar tem como objetivo facilitar o diagnóstico dos cabelos da cliente para que o profissional possa utilizar os produtos voltados especificamente para suprir as necessidades dos fios.

Durante a análise capilar, são avaliadas as seguintes características dos fios: saúde dos fios, tipo de brilho, porosidade, flexibilidade, rigidez , bem como a sua estrutura interna e externa. Em geral, os salões realizam a análise capilar gratuitamente, e a cliente pode optar em fazer o tratamento no salão, que costuma durar 15 dias, ou em casa, adquirindo produtos corretos que são sugeridos pelo profissional.

Dependendo de cada caso, as clientes costumam perceber os bons resultados em apenas uma semana. Nesses aparelhos, é possível verificar se a descamação do couro cabeludo decorre por causa da caspa ou por excesso de oleosidade por uso de um produto inadequado.

“Existem pessoas que têm uma oleosidade natural, mas que pode ser amenizada utilizando produtos corretos. Por exemplo, quem tem cabelo oleoso não deve usar um shampoo para cabelos normais, mas sim um para cabelos oleosos, de preferência com ingredientes naturais e sem sal”, explica a cabeleireira.

Salões que costumam revender produtos da Bio Extratus costumam contar com promotoras que realizam a análise capilar. Para saber onde encontrar o salão associado mais próximo, acesse: http://www.bioextratus.com.br/

 

Por Selma Isis




Deixe um comentário